Centros Sociais

SEMENTE DA PAZ
O Centro Social Semente da Paz está localizado na cidade de Cocal da Estação. O Centro Social passou a existir a partir de 2006, pois até então no espaço funcionava uma escolinha com crianças, mais faltava benfeitores que pudessem ajudar. Após a visita pastoral, Dom Alfredo vendo a necessidade daquelas crianças, ficou interessado pelo trabalho e começou a ajudar financeiramente as atividades, tornando assim um Centro Social vinculado a Diocese de Parnaíba. Atualmente o Centro Social atende entre trinta e cinquenta crianças e suas respectivas famílias, conta com ajuda de 11 voluntários que se doam diariamente na preparação das refeições, na organização da rotina educativa e na interação com as crianças e suas famílias. Também contamos com a ajuda da instituição Mesa Brasil/SESC, que nos ajuda doando alimentos quando possível, mais sempre vem numa boa hora.

TIO ERICO
O Centro Social Tio Erico Está localizado na cidade de Esperantina-PI, funciona de segunda a sexta, no horário das 14h às 16h, atende entre 30 a 45 crianças com os seguintes trabalhos: acolhida, roda de conversa, atividades educativas dirigidas pelos educadores, além de oferecerem diariamente refeições para os mesmos. Atualmente o Centro Social conta com quatro voluntarias que atuam acompanhando essas crianças, incentivando-as para o gosto pelos estudos e valores como respeito,
(2007) Já existia um trabalho com crianças até 10 anos reforço,eram 40 crianças, após a visita pastoral de Dom Alfredo reunião com os gestores do município, ele divulgou no radio, ocorreram doações, foi pedido no ano de 2009, end; Conjunto Palestina Q 4, casa 8, Esperantina-PI, conta com a ajuda de 3 voluntarias.

MADRE CECÍLIA

Com o crescimento do município de Parnaíba, outros bairros e comunidades periféricas foram criados a fim de atender a demanda do povo por moradia, dessa forma, a Diocese em 2012, também preocupada com essa realidade construiu um novo espaço social, chamado Centro Social Madre Cecília que está localizado na Rua projetada 203, bairro Planalto, n° 1405, a fim de acolher crianças e adolescentes de várias idades para um convívio educativo, que proporcionasse a eles sua socialização com Deus, consigo e com os outros (família, amigos e comunidade). Atualmente o centro social acompanha 35 crianças, (para desenvolver as atividades conta com) quatro voluntárias e suas famílias. As atividades acontecem de segunda a sexta, no turno da tarde, o centro social também conta com coordenação das Irmãs Franciscanas do Coração de Maria. Ao longo do ano são realizado (a parte social com acompanhamento familiar) através de visitas domiciliares, ações educativas como: jogos, reforço escolar, brincadeiras de socialização de valores e conhecimentos.

SANTA TERESINHA
Em uma visita a comunidade Santa Teresinha no bairro São Vicente de Paulo em Parnaíba, Dom Alfredo após ter crismado alguns jovens, lançou o convite a comunidade para iniciar um trabalho social com crianças. 16 jovens se colocaram a disposição dos trabalhos, dessa forma, a convite do Bispo, o casal Solimar e Ribamar reuniram os jovens e delegaram a função que cada um deveria desempenhar, foi uma alegria, a cada capacitação, eles e outros que ingressavam nos trabalhos iam crescendo e mostrando para si e para comunidade o bem de si doar pelo próximo que necessita. Hoje, o centro social funciona no turno da manhã, de segunda a sexta e acolhe de 35 a 45 crianças, conta com a atuação de 10 voluntários e oferece as crianças atividades de socialização, como: brincadeiras educativas, atividades dirigidas, lazer, e uma alimentação saudável. Com a iniciativa de trabalhar pela comunidade também foi organizada e criada uma associação, chamada “SERVIR” que trabalha no acompanhamento social e pedagógico de crianças e suas respectivas famílias, outro trabalho que realizamos está diretamente voltado para idosos, onde acontecem encontros de oração e de lazer de promoção dessas pessoas. Também atuamos de maneira social com mulheres que se encontram em situação de extrema pobreza e vulnerabilidade social.

SÃO CLÁUDIO
Um casal Wenzel e Matilde na cidade de Ingolstadt na Baviera tiveram um filho que morreu com nove anos de idade de cancer. Assim queriram aplicar o dinheiro que iriam investir na formação deste adolescente. Diante do falecimento resolveram construir um Centro Social na Diocese de Parnaíba. A criança que faleceu chamou-se Claudio, assim o Centro Social ganhou o nome do padroeiro desta criança: SÃO CLAUDIO. Domingo dia 27 de julho de 2014 vai fazer um ano que o sr. Wenzel faleceu repentinamente. Na santa missa vamos lembrar deste grande benfeitor.

Como alguns centros sociais a comunidade Candido Athayde que fica localizado no Bairro Igaraçu também foi escolhido para receber um centro social, que atualmente se chama São Cláudio, através de doações o espaço foi construído e hoje acompanha crianças de 2 a 4 anos, de segunda a sexta, no turno da manhã, e em outros momentos viabiliza encontros, reuniões e cursos para as mulheres, algumas mães das crianças, e outras, jovens que estão em busca de sua inserção no mercado de trabalho. Outras ações como visitas domiciliares, passeios com as crianças e com as famílias, atividades de acompanhamento social e pedagógico, tem enriquecido o trabalho, no entanto, além da participação de alguns voluntários o mais significativo é a participação das famílias em cada momento proposto pela coordenação do centro e do Projeto Social.